Pular para o conteúdo principal

RIO DE JANEIRO: COPACABANA, 1958

Aqui vemos a Av. Nossa Senhora de Copacabana, famoso logradouro do bairro que se inspirou nesse nome, e que é um dos importantes pontos da Zona Sul do Rio de Janeiro. O trecho corresponde ao quarteirão próximo à Rua Bolívar.

Os apressadinhos de plantão creditaram essa foto apenas à "década de 1950", mas, observando o que estava em cartaz no Teatrinho Jardel, a peça de teatro de bolso Se Quer Diz Logo, destacando o nome do conhecido humorista Agildo Ribeiro, e levando em conta que a peça teve temporada em 1958, é desse ano o crédito de data da foto.

Vale lembrar que Agildo Ribeiro é da família de Cândido Barata Ribeiro, figura histórica pouco conhecida e que deu seu nome ao logradouro paralelo à referida avenida e também um dos principais de Copacabana. Agildo também é filho do falecido Agildo Barata, um dos militares rebeldes da época do primeiro governo de Getúlio Vargas.


Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

SÃO PAULO: VALE DO ANHANGABAÚ, 1953

A foto que vemos é um belo registro da célebre fotógrafa Alice Brill, mostrando filas enormes de espera por ônibus no Vale do Anhangabaú, em São Paulo, no ano de 1953. As fotos da autora fazem parte do acervo preservado pelo Instituto Moreira Salles.

SÃO PAULO: PRAÇA CLÓVIS BEVILÁQUA, 1957

Mais uma preciosidade da São Paulo Antiga é a Praça Clóvis Bevilaqua, no bairro da Sé, na capital paulista, no ano de 1957, com seus muitos ônibus fazendo ponto no terminal localizado na área.


AUTOVIÁRIA SANTA LUZIA

Esta foto, originalmente publicada no Jornal Primeira Página e do acervo do pesquisador Gildásio Vieira Freitas, e também enviada por mim ao portal Lexicar (sobre carrocerias de ônibus e outros veículos automotores), mostra um ônibus urbano da CAIO de 1955, da frota da empresa Autoviária Santa Luzia, de Salvador, Bahia.

Consta-se que esta foto, provavelmente de 1959, corresponde a um dos primeiros serviços de linhas distantes que, pouco depois, seriam a ligação da área desmembrada, hoje município de Lauro de Freitas, a Salvador. Ao que parece, é um ramal Portão X Calçada que hoje não existe mais, devido a tantas alterações de percursos causadas pela abertura de novas avenidas.