Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Novembro, 2014

RIO DE JANEIRO: ÔNIBUS FNM, EM 1955

A foto a seguir mostra que os "cavalos mecânicos" foram a primeira tentativa de se lançar ônibus muito longos no Brasil, décadas antes dos BRTs.

E aqui vemos um que foi utilizado pela Transportes América - hoje proibida de mostrar sua identidade visual, por conta do fardão da Prefeitura do Rio de Janeiro - , um papa-fila da Fábrica Nacional de Motores (FNM, ou FêNêMê), e que fazia sua estreia em 1955.

O ônibus, aqui em exposição de lançamento no centro do Rio de Janeiro, estava destinado à linha 122 Pavuna / Tiradentes, que hoje corresponde à atual 372 Pavuna / Passeio, isso se a tesoura da Secretaria de Transportes não mutilar ou extinguir a linha.


CAMPINA GRANDE, EM 1951

Esta foto, do acervo de Mário Carneiro da Costa, do blogue Retalhos Históricos de Campina Grande, mostra um ônibus do Colégio Diocesano Pio XI, em 1951.


RIO DE JANEIRO: AV GRAÇA ARANHA, EM 1951

A foto desta postagem é da coleção de Harlley Pacheco, correspondente aos registros fotográficos de seu pai, e mostra a Av. Graça Aranha, no Castelo, centro do Rio de Janeiro, que era Distrito Federal em 1951. Nela pessoas se movimentam na praça que fica junto ao antigo Ministério da Educação e Saúde, hoje Palácio Gustavo Capanema.


VIA DUTRA, EM 1951

Essa foto da Rodovia Presidente Dutra, ou Via Dutra, do acervo de seus administradores, mostra a conhecida estrada no ano de sua inauguração, em 1951. A estrada que liga o bairro do Irajá, no Rio de Janeiro, ao do Tietê, em São Paulo, cortando áreas da Baixada Fluminense, Volta Redonda e municípios como São José dos Campos e Taubaté, faz hoje parte da BR-116.

A foto em questão parece corresponder ao lado fluminense da rodovia, talvez na cidade de Nova Iguaçu.


SALVADOR, EM 1971

A foto, provavelmente de 1971 e do acervo do blogue Mobilidade Urbana (Salvador), mostra dois ônibus parados talvez em local próximo ao Campo Grande, na Av. Sete de Setembro. O ônibus da frente é de um modelo das Carrocerias Bons Amigos (já rebatizada IASA) de 1970, que teve curto prazo de produção, e, atrás, há um ônibus do modelo Grassi Argonauta.

O ônibus da frente é da Viação Ipitanga.


NITERÓI: ANTIGA MESBLA, EM 1951

Esta foto, provavelmente de 1951, mostra o prédio da Mesbla, antes da reforma que o transformou numa construção mais glamourosa, no local onde se situa a rede de lojas Leader, na então rua Visconde do Rio Branco, esquina com a Rua Quinze de Novembro.

Destaca-se o neon que mostra não só a Mesbla como também a marca Mobil Oil, e, na rua Quinze de Novembro, junto ao calçadão do antigo Hotel Imperial - onde hoje está o Plaza Shopping - está estacionado um ônibus.


NITERÓI EM 1961

Nem tudo que ocorreu em Niterói em 1961 se resume à tragédia do circo. Há também imagens positivas da então capital fluminense registradas naquele ano. Elas foram publicadas em diferentes datas no jornal A Noite, do Rio de Janeiro.

A primeira foto, contando de cima para baixo, mostra a Alameda São Boaventura, no bairro do Fonseca, tirada do ponto de vista do Largo Moura, junto ao bairro Caixa d'Água e da ladeira da atual rodovia RJ-104, que no município vai até o bairro de Tribobó. Foi publicada na edição de 16 de fevereiro daquele ano.

Abaixo, a segunda foto mostra um trecho da Rua Noronha Torrezão, no bairro de Cubango, aparentemente sem trânsito de veículos e com casas mais antigas, algumas delas ainda existentes hoje. Nota-se também os trilhos de bondes que passavam pela rua. Foi na edição de 04 de março.

Já a terceira foto mostra o bairro de Pendotiba, destacando a antiga Estrada da Cachoeira, hoje Av. Rui Barbosa, que já naquela época dava na Estrada Caetano Monteiro complet…

EVAL

Esta foto, do acervo do pesquisador Marcelo Prazs, mostra um ônibus da empresa EVAL (Empresa de Viação Angrense Ltda.), de Angra dos Reis, estreando na época o modelo Cermava de 1967. A EVAL continua existindo, só que presta serviço de fretamento. Apenas em situações em que, durante longos feriados, há reforço nas frotas de ônibus, a EVAL mata saudade de suas antigas linhas.


BARRETO

Essa montagem mostra um ônibus da Expresso Barreto, que, se não me engano, ainda teve esse modelo Ciferal Urbano de 1957, motor Mercedes-Benz, que começou quando a empresa se chamava BNS, iniciais de seu dono Benedito Nunes da Silva.

Consta-se que a Barreto costuma dar uma idade útil prolongada de seus carros - até hoje, quando a empresa de Niterói está proibida de exibir sua identidade visual - e é possível que esses carros da Ciferal tenham permanecido na frota com sete anos de uso.


PALÁCIO MONROE FOI DEMOLIDO POR UM MOTIVO FÚTIL

Conforme lembra um artigo na revista Caros Amigos deste mês, um dos mais belos e históricos prédios do Rio de Janeiro foi demolido por um motivo fútil vindo do próprio presidente, o general Ernesto Geisel. Sorte que não estamos na ditadura, se alguém fizesse essa denúncia, seria preso imediatamente.

Mas o fato, verídico, pode ser denunciado hoje, depois do grande estrago feito com a demolição do Palácio Monroe. Ele foi construído em 1903 nos EUA, celebrando a aquisição do Estado da Luisiana, antes pertencente à França, ocorrida 100 anos antes. Totalmente montado em estrutura metálica, pôde ser construído e desmontado para depois ser reconstruído no Brasil.

Situado no final da Rua do Passeio, esquina com a Av. Rio Branco, ele se destacava no começo do entorno do Aterro do Flamengo. Seu engenheiro foi Francisco Marcelino da Sousa Aguiar, sobrenome homenageado por um hospital. O nome do palácio foi em homenagem a James Monroe, que presidiu os EUA na ocasião da aquisição da Luisiana e cri…

ROUXINOL

As duas fotos, reproduzidas de uma reportagem do suplemento Vrum, do Correio Braziliense, mostra um ônibus da Ciferal Flecha de Prata (ou Papo Amarelo), ano 1966, da Viação Rouxinol, de Contagem (MG), completamente restaurado para a exposição. O dono da empresa investiu pesado em pesquisa de peças diversas para recuperar os aspectos originais, dando nesse resultado maravilhoso.



NITERÓI: PRAIA DE ICARAÍ, EM 1960

Esta foto de Ney Rocha, publicada na comunidade Nikity das Antigas do Facebook, mostra o começo da Praia de Icaraí - atual Av. Jornalista Alberto Francisco Torres, na época dono do jornal O Fluminense e político do PSD local - no ano de 1960. Note-se que na ocasião passavam dois trolebuses da SERVE, que fizeram história na cidade.


ELIZABETH

Essa foto, provavelmente de 1966 (será aquela famosa época das chuvas?), mostra um ônibus da Viação Elizabeth, que operava na Zona Oeste do Rio de Janeiro, com um monobloco Mercedes-Benz O-321 na linha 393 Largo de São Francisco / Bangu, hoje com destino para a Carioca e Rua do Lavradio. Foto do acervo do pesquisador Marcelo Prazs, que garimpa relíquias do transporte coletivo carioca-fluminense.


SÃO PAULO: AV. NOVE DE JULHO, 1963

Esta foto, do acervo do jornal O Estado de São Paulo, mostra a Av. Nove de Julho em 1963, num período de chuvas intensas. Ninguém imaginava que a mesma capital paulista iria viver um sério período de seca nos reservatórios de água, complicando a vida de seus moradores.


SALVADOR EM 1973

Esta foto foi extraída da comunidade do Facebook chamada Fotos Antigas de Salvador, a partir do escaneamento de um cartão postal da capital baiana, em 1973, mostrando o bairro da Barra e ao fundo sua antiga avenida em direção ao Farol, hoje um calçadão só para pedestres e já promovido a um cenário de paqueras e encontro de amigos.

No primeiro plano, porém, temos a Av. Oceânica, que segue com seu trânsito de veículos e, na referida foto, aparecem dois ônibus. O mais destacado não seria a Viação Beira Mar (Vibemsa)?


RIO DE JANEIRO: MERCADO MUNICIPAL NA AV. ALFRED AGACHE

Esta foto, do acervo do jornal O Estado de São Paulo, mostra o Mercado Municipal do Rio de Janeiro, na altura da Av. Alfred Agache, próximo à Rua da Misericórdia, em 1957. Ele foi quase todo destruído para abrir caminho para o Viaduto da Perimetral, hoje em processo de demolição. Uma das torres remanescentes tem instalado, atualmente, o restaurante Albamar.




PONTA GROSSA, EM 1960

Este cartão postal de 1961, na verdade, mostra uma foto de época anterior, como é de praxe nesse tipo de produto. E quem conhece história sabe muito bem o ano desta foto, que mostra o Centro da cidade de Ponta Grossa, no interior do Paraná, se tratando, portanto, de 1960.

O motivo é que no primeiro plano, mais embaixo, se vê o cartaz da campanha eleitoral do marechal Henrique Teixeira Lott para a Presidência da República, tendo João Goulart como vice. Como, num insólito arranjo da Constituição Federal de 1946, vigente na época, se determinava votação em separado para vice, Lott perdeu as eleições para Jânio Quadros, enquanto Jango, seu colega de chapa, saiu vitorioso.


SÃO PAULO: PRAÇA DA REPÚBLICA, EM 1971

Sabemos que hoje é o Dia da República, mas nesta postagem vamos para o outro lado da Via Dutra e mostrar a praça denominada em sua homenagem na capital paulista, passando vários ônibus com sua diversidade visual, muito antes do terrível fardamento que assolou os ônibus paulistanos a partir dos anos 80.

Vale a pena reproduzir informações escritas pelo pesquisador Rodney Campos da Silveira, no portal Skyscrapercity:

"Os modelos que aparecem nesta foto são os seguintes: dois Monoblocos O-352 da Tupi, dois Monoblocos O-321 e um Monobloco O-352 da Leste-Oeste (quando ela fazia a linha Penha-Lapa), um Monobloco O-321 da Pompéia (quando fazia a linha 966 [posteriormente 63, hoje 407M] - Jd. Vila Mariana x Pompéia, bem antes desta empresa seguir para a Zona Leste, em 74), um CAIO Jaraguá (chassi curto) da Moema (do grupo Saad, o mesmo da GATUSA), e um Nimbus (encarroçadora gaúcha que foi comprada pela Marcopolo em 79) TR-1 (chassi curto) da CMTC. 
Dois detalhes a ponderar: vemos, num ponto…

CASTELO

Esta foto, do acervo de Edegar Rios Lopes Filho, mostra um ônibus da Castelo Auto Ônibus, uma relíquia de CAIO Gabriela II com motor traseiro, parada no antigo terminal da Rodoviária Novo Rio, que há muito tempo se tornou apenas terminal de passagem.


NITERÓI EM 1963

Mais uma foto de Niterói, em 1963, fotografada pelo norte-americano Raymond DeGroote, de Chicago, focaliza a Praça Arariboia, ponto de encontro entre os lados Norte e Sul da então Rua Visconde do Rio Branco, hoje avenida, do qual um bonde aparece em primeiro plano, enquanto, mais atrás, há um ônibus da Auto Viação Fluminense da Cermava parado no seu ponto e outro da Cermava ao lado. Será da Auto Viação 1001?


NITERÓI EM 1963

Outra foto de Raymond DeGroote, de 1963, mostra outro trecho da então Rua Visconde do Rio Branco, em Niterói, mas próximo à esquina da Av. Ernâni do Amaral Peixoto, no qual, escondido, à esquerda, de um bonde, se identifica um ônibus da Auto Ônibus Brasília, empresa que hoje é castigada (e sucateada) pelo fardão da Prefeitura de Niterói.


NITERÓI EM 1963

Essa foto mostra o Centro Norte de Niterói, no ano de 1963, de autoria do fotógrafo Raymond DeGroote e do acervo do pesquisador Allen Morrison, com um bonde passando pela então Rua Visconde do Rio Branco, hoje avenida, no quarteirão imediatamente posterior à esquina da Rua Marechal Deodoro.

Ao lado dele, aparece um ônibus da Auto Viação Fluminense, que havia pego a linha 23 Teixeira de Freitas / Centro da empresa que levava o nome do bairro-destino. Mais à frente, um Vemaguete azul da DKW parece cumprir sereno seu passeio.


CARROCERIAS METROPOLITANA: LOTAÇÃO "MAROTO", DE 1960

Esse anúncio do Jornal do Brasil, de 16 de maio de 1960, mostra um modelo de ônibus lotação que foi lançado pelas Carrocerias Metropolitana na época, e que seguia o padrão de leiaute da carroceria, como se nota na "mascara dianteira", usada também no modelo urbano e rodoviário.

O modelo ganhou o apelido de Maroto e procurava modernizar o visual dos lotações - os "micrões" da época - que eram alvo de pesadas reclamações dos cariocas naqueles tempos.


BANDEIRANTES

Esta foto, publicada em propaganda de classificados no Jornal do Brasil de 13 de maio de 1960, mostra um ônibus das Carrocerias Vieira, modelo 1960, da Bandeirantes Auto Ônibus, embrião de certa empresa escondida pelo fardão da Prefeitura do Rio de Janeiro.

A empresa fazia a linha 97 Barão de Drumond / Leblon, número que aparece na foto, e cujo percurso passava por Copacabana e depois virou 433. Havia também a 98, que liga os dois destinos mas passa pelo Jardim Botânico, que corresponde à atual 438.

A baixa qualidade da imagem corresponde ao nível de impressão jornalística da época. Mas vale o registro histórico.


CATARINENSE

Essa foto de 1960 mostra um ônibus das Carrocerias Eliziário, modelo Imperador, da frota da Auto Viação Catarinense, Foto divulgada na comunidade Fotos Antigas da Grande Florianópolis, no Facebook.


SANTA TEREZINHA

A foto mostra um ônibus da extinta empresa Santa Terezinha Auto Ônibus, que depois virou Estrela Polar e Helena, com um modelo Cirb de 1960. Sediada no Rio de Janeiro, a empresa fazia uma única linha municipal na antiga Guanabara: a S-16 Del Castilho / Irajá (via Cavalcânti / Madureira).


SANTA CECÍLIA

A extinta empresa carioca Empresa de Transportes Santa Cecília, que servia o bairro de Copacabana, aparece aqui com um ônibus apedrejado durante a greve de ônibus no Rio de Janeiro, antigo Distrito Federal, em 27 de maio de 1959, ocorrência reportada pelo Jornal do Brasil do dia seguinte.


RIO DE JANEIRO: SEPETIBA EM 1959

Essa foto, do acervo do blogue Rio Click, sobre fotos antigas do atual Estado do Rio de Janeiro (embora incluam fotos do tempo em que a cidade do Rio de Janeiro foi Distrito Federal e Estado da Guanabara), mostra, aliás, a Cidade Maravilhosa, se despedindo do posto de capital do país.

Trata-se de uma foto na Praia de Sepetiba, na Zona Oeste da cidade e muito distante do Centro carioca - o bairro está mais próximo do vizinho Itaguaí - num dia de sol e calor, provavelmente num fim de semana.

A foto é de 1959, notando-se a presença de uma Kombi da Volkswagen, modelo então recente e montado na filial brasileira desde 1958, sendo uma relíquia por apresentar, na traseira, lanternas pequenas e redondas, já que é difícil encontrar uma Kombi dessa linhagem circulando, guiadas por colecionadores de carros antigos. pelas ruas brasileiras hoje.


ELIZIÁRIO "GOSTOSÃO"

Essa foto, do blogue ShowRoom Imagens do Passado, mostra um ônibus das Carrocerias Eliziário, um modelo urbano de 1955, que teve o apelido de "Gostosão".


NITERÓI: AV. AMARAL PEIXOTO, 1973

Esta foto, do acervo de Nikity das Antigas, mostra o carnaval de 1973 no Centro de Niterói, uma folia de rua que não impediu a circulação de veículos, que só precisavam tomar muito cuidado no trânsito. Em destaque, um ônibus das Carrocerias Metropolitana 1968 que parece ser da Auto Viação 1001.


CROL

Esta foto, provavelmente de 1966, da coleção de Paulo Gomes e divulgada na comunidade Nikity das Antigas do Facebook, mostra o bairro de Itaipu, em Niterói, em que se destaca o prédio da ABANERJ (Associação dos Funcionários do BANERJ, extinto banco fluminense), e um ônibus da Coletivos Rio do Ouro Ltda. (CROL), provavelmente a linha 117 Itaipu / Niterói (via Várzea das Moças).

Atualmente esta linha corresponde à linha 537R, da Viação Nossa Senhora do Amparo.


AUTOVIÁRIA

Essa foto de 1964 mostra um ônibus da empresa Autoviária Rainha da Borborema, empresa de Campina Grande, Paraíba. O ônibus é um modelo da Cermava de 1964, com máscara inspirada na CAIO Bossa Nova / Marta Rocha.


TURI

Essa foto é extraída de um anúncio publicitário da Cermava, mostrando um ônibus do modelo urbano de 1961 - com máscara parecida com a da CAIO Bossa Nova - da Turi (Transportes Urbanos, Rurais e Interestaduais), destinado à frota da linha 115 Estrada de Ferro / Laranjeiras, atual 184.